Como se tornar um desenvolvedor Android

Como se tornar um desenvolvedor Android

Antes de começar a falar exatamente sobre ser um programador para o mundo mobile é preciso entender: “Por que eu entraria neste mercado? O que há de tão bom neste mundo? Como ganharei dinheiro com isto?”. Este é o tipo de pergunta que a maioria dos desenvolvedores se pergunta quando quer trocar ou ingressar em uma área. Mas afinal, o que faz com que o mundo mobile seja tão atraente e por que? Segundo uma pesquisa de outubro de 2017, da empresa Mobfiq mostrando o poder de vendas de e-commerces no mundo mobile e a pesquisa da IAB chamada de Always On e que retrata a perspectiva do consumidor mobile, justificam a vontade de muitos de entrar para esta área mobile.

Mas… Por que Android?

• Sistema Operacional Open Source

• Formado por um consórcio de empresas do ramo de tecnologia, como Google e Samsung  

• Milhões de usuários

A matéria da Android Authority exemplifica algumas das funções do porque o Android é o que é, o que inclui desde roms customizadas até launchers customizados – que você também pode fazer! 😀

Mas chega de falar de ideias e dados estatísticos, há toda uma trajetória a ser entendida para se tornar um desenvolvedor mobile. A primeira discussão que vem a mente é: devo eu aprender o desenvolvimento nativo (atualmente em Java ou Kotlin) ou devo utilizar algum híbrido? A resposta para esta pergunta é: depende! Depende do conhecimento que se tem, do tempo estimado, do que se deseja fazer, o que é mais importante para o app: ter mais segurança ou ter uma maior produtividade? Para que não lhe reste dúvidas se você deve seguir ou não com este tutorial, considere estes dois artigos que mostram as diferenças de forma bastante clara e objetiva, feitos pela Concrete:  Parte 1 e Parte 2.

Aaah, agora eu entendi!

Entendido as diferenças entre híbrido e nativo, se você deseja seguir na área do Android Nativo primeiramente te perguntarei: Você sabe programar em Java ou Kotlin? Esta pergunta é fundamental, pois atualmente estas linguagens são as principais para o desenvolvimento Android (Não se preocupe, maiores detalhes serão dados a frente).

Mas eu conheço C e C++, posso desenvolver para Android de forma nativa também? Sim, para tal, você precisará utilizar do NDK (Native Development Kit).

Durante algum tempo Java foi o Deus soberano do mundo Android, no entanto, no Google I/O de 2017, a Google anunciou a linguagem Kotlin como a sua nova linguagem oficial, link para ver o anúncio oficial aqui.

A pergunta que fica: Por que fizeram isso? E por que isso afeta o meu aprendizado? A resposta para isso é simples! Kotlin é uma linguagem que trabalha junto com o desenvolvedor, reduzindo código e facilitando a compreensão e ajudando também os iniciantes, pois a linguagem não é tão verbosa, permitindo o desenvolvedor escrever menos e se divertir mais! E para o Android foram feitas melhorias que aceleram o desenvolvimento de apps, então se isso não é argumento suficiente para você se juntar ao lado Android da força, este link aqui pode te ajudar!

Se você leu todo este artigo e está empolgado para programar Android recomendo que você dê uma olhada no site de   desenvolvedores do Android, lá eles tem diversos materiais que podem auxiliar você a aprender sobre o desenvolvimento de aplicativos Android. Mas atenção, esteja ciente de que você possui domínio de lógica de programação, estrutura de dados e orientação a objetos. Estes são os pré-requisitos básicos para se aprender!

Se você gostou deste artigo e achou ele útil, não esqueça de compartilhar com seus amigos!

Um grande abraço,

Senhor Caveira.

O senhor caveira é programador web, mobile, Desktop, amante da Tecnologia e filósofo de boteco.

Deixe um comentário :)

%d bloggers like this: